quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Minduim missional

Quem me conhece um pouco sabe da minha paixão por quadrinhos... Confesso que pouco conheço a turma do Charlie Brown, não sei o motivo de ter ignorado essa belezura por tanto tempo, mas poder me identificar com essa negada melancólica mesmo depois de velha tem sido muito bom. Talvez eu agora entenda um pouco mais da cosmovisão do autor e enfim, eis que tudo fez sentido =) Sente o drama:

















Alhambra

Queria tocar os sinos
Da majestosa catedral
Pensei em compor os hinos
Pintar as faces do vitral
Mas tu me fizeste olhar o chão
E repintar os rodapés
Silenciar em meio à sombra do jardim
E foi assim que eu aprendi
A aguardar o tempo bom
A viração do vento sul
O recomeço da estação
Para plantar, para regar, para podar
Para sonhar o renascer da floração
Perto da terra, umedecer
Em meio à horta, serenar
Tua vontade obedecer
.
Um dia a tristeza disse
Que eu nunca mais seria alguém
Melhor que eu me demitisse
Pulasse deste velho trem
Mas tu me fizeste olhar o céu
E eu comecei a ver melhor
Ver teu amor a envolver a minha dor
E me fazer voar além
Da torre desta catedral
Ares de Allambra, luz e bem,
Logo depois de Portugal
Beira de rio, onda do mar, vento mais frio
Luz do luar, perto da Estrela D’alva
Pra ver a Terra amanhecer
E com o sereno repousar
Onde tua mão me colocar
(Gerson Borges & Gladir Cabral)


segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Ovos Voadores


    O problema real da vida cristã aparece onde as pessoas normalmente não o procuram. Ele aparece no instante em que você acorda cada manhã. Todos os desejos e esperanças para o dia correm para você como animais selvagens e a primeira tarefa de cada manhã consiste simplesmente em empurrá-los todos para trás; em dar ouvidos a outra voz, tomando aquele outro ponto de vista, deixando aquela outra vida mais ampla, mais forte e mais calma entrar como uma brisa. E assim por diante, todos os dias. Mantendo distância de todoas as inquietações e de todos os aborrecimentos naturais, protegendo-se do vento.
    No começo, nós somos capazes de fazê-lo somente por alguns momentos, mas então o novo tipo de vida estará se propagando por todo o nosso ser, porque então estamos deixando Cristo trabalhar em nós no lugar certo. Trata-se da diferença entre a tinta, que está simplesmente deitada sobre a superfície, e uma mancha que penetra na parede.
    Quando Cristo disse "sede perfeitos", quis dizer isso mesmo. Ele quis dizer que temos que entrar no tratamento completo. Pode ser duro para um ovo se transformar em um pássaro; seria uma visão deveras divertida, e muito mais dificil, tentar voar enquanto ainda se é um ovo. Hoje nós somos como ovos, mas você não pode se contentar em ser um ovo comum, ainda que decente. Ou sua casca se rompe ou você apodrecerá.

C.S Lewis - Cristianismo Puro e Simples

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Esclarecendo

    Em quatro anos de caminhada, passei por quatro ministérios distintos. Não me orgulho disso; quando olho pra trás friamente, me vejo nas tristes estatísticas das migrações evangélicas atuais, mas reconheço em tudo a soberania de Deus e enxergo também seu cuidado, carinho e tratamento em todos os lugares que passei.
    Ao contrário do que a fofoca gospel prega, não estou em pecado, não sou rebelde e não me desviei. Retornei a ortodoxia cristã sim e isso não é um regresso.
    Confesso ter me deixado levar pela emoção, ter me desviado da doutrina da trindade, ter reduzido a fé a um dualismo pobre e também ter desprezado o cristianismo histórico. Lamento por ter induzido alguns dos meus irmãos a erros doutrinários e peço perdão publicamente ao Corpo de Cristo.

Em coro com a Igreja eu declaro:

Creio em Deus Pai, Todo-poderoso, Criador do Céu e da terra.
Creio em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, o qual foi concebido por obra do Espírito Santo; nasceu da virgem Maria; padeceu sob o poder de Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; ressurgiu dos mortos ao terceiro dia; subiu ao Céu; está sentado à direita de Deus Pai Todo-poderoso, donde há de vir para julgar os vivos e os mortos.
Creio no Espírito Santo; na Santa Igreja Universal; na comunhão dos santos; na remissão dos pecados; na ressurreição do corpo; na vida eterna.


    Este texto era pra ter sido publicado há pelo menos um ano. Por favor, me procure caso algo não tenha ficado claro.

    No amor de Jesus Cristo,

Daniela Bianchin Betti

Sábado na balada
A galera começou a dançar
E passou a menina mais linda
Tomei coragem e comecei a falar
Nossa, nossa
Assim você me mata
Ai se eu te pego, ai ai se eu te pego
Delícia, delícia
Assim você me mata
Ai se eu te pego, ai ai se eu te pego

Vinícius de Moraes

treta maluca

Porque para isto sois chamados; pois também Cristo padeceu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigais as suas pisadas. O qual não cometeu pecado, nem na sua boca se achou engano. 
1 Pedro 2:21-22

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Graça


"Senhor Jesus Cristo, tu és  minha justiça,
eu, porém, sou teu pecado:

Levaste sobre ti o que é meu,
e deste a mim o que é teu.

Tomaste sobre ti o que não eras,
e deste a mim o que eu não era."

Lutero

Lamentações de Wolterstorff


Bem aventurados os que choram porque serão consolados - Mateus 5:4

    Dizem que homens devem ser fortes e que a força de um homem, em meio a desgraça, se percebe em sua face sem lágrimas. Mas como celebrar uma estóica ausência de lágrimas? Como insistir em nunca externar o que dentro está sangrando? Será que suportar chorando não requer tanta força quanto nunca chorar? Por que devemos sempre esconder o nosso sofrimento? Não devemos, por vezes, permitir que as pessoas o vejam e participem dele? Por que é tão importante parecer forte? Fui agraciado com a força para suportar, mas fui agredido e ferido, gravemente ferido. E feridas são desagradáveis, eu sei, causam repulsa. Mas será que elas devem ser escondidas? 
    A propósito, o que você diz a alguém que está sofrendo? Algumas pessoas são dotadas de palavras de sabedoria. Por elas, somos profundamente gratos. Mas nem todas são assim, algumas delas falam sem pensar, coisas estranhas, sem nexo. Tudo bem, nem sempre as palavras têm de ser sábias. No final das contas, a intenção com que se fala é mais importante do que as palavras pelas quais se fala.
    Bom, se você não imagina algo para dizer, diga apenas “Não sei o que dizer, mas quero muito que você saiba que estou solidário com seu sofrimento.” Ou então apenas abrace, simples assim. Mas, por favor, não diga que a morte não é realmente tão má, porque é sim! A morte é terrível, demoníaca. Se você pensa que seu dever como amigo é me dizer que “realmente, considerando todos os ângulos, as coisas não são tão más assim” você não se aproxima de mim e de minha angústia. Pelo contrário, você se coloca muito distante de mim. E a essa distância, você em nada me ajuda. O que necessito ouvir de você é que de fato você reconhece o quanto a morte é dolorosa e que você realmente está comigo em meu desespero. Para me confortar, você tem de chegar perto de mim. Venha aqui, sente-se ao meu lado, no meu banco de luto. Venha olhar o mundo através das lágrimas. Talvez você veja coisas que jamais veria com os olhos secos.

Lamentação escrita pelo filófoso Nicholas Wolterstorff, na ocasião em que seu filho Erie, de então 25 anos, morreu tragicamente num acidente de aupinismo na Áustria.

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Onde quer que o homem esteja, seja o que for que faça, ou no que aplique a sua mão, na agricultura, no comercio, na industria, ou sua mente, no mundo da arte, e ciência, ele está, seja onde for, constantemente diante da face de Deus, está empregado no serviço de Deus, deve obedecer estritamente a seu Deus e acima de tudo deve ter como alvo a gloria de Deus.” Abraham Kuyper
Jesus Cristo é o centro e o objeto de tudo; aquele que não o conhece, nada conhece da natureza nem de si mesmo. - Pascal

domingo, 27 de novembro de 2011

Seja minha visão, Ó Senhor do meu coração
Seja tudo mas não para me salvar por tua arte
Seja meu melhor pensamento no dia e na noite
Assim como caminhando e dormindo em Tua presença, minha luz

Seja minha sabedoria, seja minha verdadeira palavra
Seja tudo comigo e Eu contigo, Senhor
Seja meu Grande Pai e eu Teu verdadeiro filho
Seja minha morada e eu contigo um

Seja meu escudo, minha espada para a batalha
Seja minha armadura, seja a minha verdade
Seja o abrigo de minha alma, seja minha fortaleza
Ó, levante-se, grande poder de meu poder

Riquezas eu não acato, nem louvor do homem vazio
Seja minha herança, agora e sempre
Tu és o único e o primeiro no meu coração
O reino dos céus, tu és o meu tesouro

Alto Rei do Céu, luz do sol do céu
Ó, conceda-me suas alegrias depois da vitória ganha
Grande coração de meu próprio coração, qualquer infortúnio
Permaneça sendo a minha visão, Ó governante de tudo



domingo, 20 de novembro de 2011

sábado, 19 de novembro de 2011


SENHOR, SUBLIME E SANTO, MANSO E HUMILDE,
Tu me trouxeste ao vale da visão,
onde eu vivo nas profundezas, porém vejo a Ti nas alturas;
cercado por montanhas de pecado, eu contemplo a Tua glória.
Faze-me aprender, por paradoxo,
que o caminho para baixo é o caminho para o alto,
que ser menor é ser maior,
que o coração quebrantado é o coração curado,
que o espírito contrito é o espírito alegre,
que a alma arrependida é a alma vitoriosa,
que não ter nada é possuir tudo,
que levar a cruz é portar a coroa,
que o vale é o lugar da visão.
Senhor, durante o dia podem-se ver as estrelas do mais profundo abismo,
e, quanto mais profundo o abismo, mais forte brilham as Tuas estrelas;
Faze-me encontrar a Tua luz na minha escuridão,
a Tua vida na minha morte,
a Tua alegria na minha tristeza,
a Tua graça no meu pecado,
as Tuas riquezas na minha pobreza,
a Tua glória no meu vale.

BENNET, Arthur (Ed.). The Valley of Vision: A Collection of Puritan Prayers & Devotions. Edinburg, USA: The Banner of Truth Trust, 2009, p. XV.
“... pelo conhecimento de si mesmo é cada um não apenas aguilhoado a buscar a Deus, mas até como que pela mão conduzido a achá-lo. Por outro lado, é notório que jamais chega ao homem ao puro conhecimento de si mesmo até que haja antes contemplado a face de Deus e da visão dele desça a examinar-se a si próprio.” - Calvino

sexta-feira, 18 de novembro de 2011


 até que Cristo seja formado em vós;

memórias póstumas

Vivi boa parte de minha vida negando minha própria maldade. Escondi-me por detrás de boas obras, bons amigos, bons sonhos, boas folhas de figueira, escondi-me de mim. Aprendi a manipular meus impulsos mais cruéis, a fingir que não existiam, aprendi a terceirizar a culpa, transferi-la a outrém, aprendi a abstrair sem subjetivar, aprendi a mentir. Feri meus companheiros também mentirosos, feri as flores por ignorá-las, feri os amantes por puro cinismo. Achava-me pura, separada, única, quando descobri que eu era só mais uma; estava perdida, estava com fome, estava nua, estava só me escondendo, como os demais - eu odiava a verdade. Enfim a luz a luz invadiu meu aposento e tudo foi manifesto. Eu estava morta e agora vivo.

sábado, 29 de outubro de 2011

Dia Branco

idolatria

“Os sintomas de decadência espiritual da civilização ocidental, expresso na crescente expansão da mente niilista não podem ser explicados por causas externas. Elas são apenas o resultado último de um processo religioso de apostasia que se iniciou com a crença na autosuficiência absoluta da personalidade humana racional e que estava condenado a terminar com a própria destruição desse ídolo”.


Herman Dooyeweerd

Paradoxo

“O evangelho de Jesus Cristo dá voz concreta a duas verdades paradoxais que expressam a tragédia da condição humana: a primeira é que, se você não ama, você não viverá; a segunda é que, se você ama, você morrerá. Se você não puder amar, você permanecerá preso a si mesmo e ficará estéril, incapaz de criar um futuro para si ou para os outros, incapaz de viver. Se, todavia, você de fato amar, você será uma ameaça às estruturas de dominação sobre as quais repousam a sociedade e então você será morto”


T. S. Eliot

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Sanidade

Até agora, os planos educativos conseguiram pouco do que pretendiam e, de fato, quando os relemos – vendo como Platão faria de cada criança ‘um bastardo criado em uma repartição pública’, e como Elyot desejava que a criança não visse homem nenhum até os sete anos e, completada essa idade, não visse nenhuma mulher, e como Locke queria os meninos de sapatos esfarrapados e sem aptidão para a poesia –, podemos agradecer a benéfica teimosia das verdadeiras mães, das verdadeiras amas e (sobretudo) das verdadeiras crianças por preservar a sanidade que a raça humana ainda possui.


C. S. Lewis

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

bunito

Estava eu morto em minha zona de conforto e de repente bateu um coração, que não era o meu. Luz e ar, os meus olhos doíam, meu corpo reclamava, tive que acostumar a viver e teria sido impossível tolerar toda aquela vida fluindo se fosse eu, mas agora já não sou mais eu que vivo, mas o Rei, e mesmo errando, mesmo sofrendo, é com Ele e para Ele que quero viver.


Edu Mendes (meu lindoso)

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Quando foi que me perdi?

Meu olhar que via mais do que podia de novo foi reduzido; a matéria grita e eu lhe dou abrigo, a história vira a minha história como se nada houvesse além de escuridão. Não faz sentido, mas eu insisto. A falta de fé no seu sacrifício me torna tudo o que eu não sou.
Toda a criação me chama de volta insistentemente e de algum modo, que eu não entendo, de novo eu me rendo e desejo ardentemente cear. Estamos indo de volta pra casa, com a certeza de que a obra que já começara um dia irá terminar.

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Mitos e Mentiras...

Tereza

     Tereza vivia uma vida medíocre, não era nada do que queria ser, tinha mais do que almejava ter e seus ídolos não mais satisfaziam o seu coração sedento. Tentou a yoga, a agricultura familiar, banhos de lama, aulas de sax, ponto cruz, tv paga, outro romance, apelou para o altruísmo, se envolveu com política, chá das mulheres, bingo beneficiente, conheceu o Che Guevara, se apaixonou, lutou, desencantou, quis desistir. Tornou-se cínica, apagou os incensos, viciou-se em vodka e num domingo cedo, na varanda, antes de se embriagar, sentiu a brisa e ouviu os pássaros. Há muito tempo não se comovia com tão pouco, chorou de saudades da infância, das estórias que a vovó contava sobre um reino distante onde não havia dor, dos seus irmãos deitados na terra batida olhando as estrelas enquanto o papai acarinhava a viola, lembrou-se de seu cãozinho magricela de olhar profundo e sorriso largo e por um momento, pensou que era feliz. Deu meia volta, olhou para seu castelo tão vazio e tão gelado, arremessou a garrafa com força contra a parede e saiu descalça a procurar qualquer vestígio de simplicidade. Cansada, sentou-se numa sarjeta, colheu um graveto e escreveu no asfalto "Estou perdida" e então, ouviu ao longe um coral cantar sobre uma tal Graça Maravilhosa de som doce que salvava miseráveis como ela e desabou a chorar.

quinta-feira, 30 de junho de 2011

bolo de laranja...

Cabelo bem preto até na cintura, demorou pra escovar, saia jeans, sapato de bico fino, olhar sério e desconfiado, devia ter uns doze anos... Entrou no ônibus com a mãe, cabelo preto até a cintura, demorou pra escovar, saia jeans, sapato de bico fino, olhar sério e desconfiado. A mulher e a mini-mulher.

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Redenção



O Sol sempre volta a brilhar
nós vamos sorrir outra vez
o Rei já está pra voltar
seremos quem fomos feitos pra ser...

sexta-feira, 17 de junho de 2011

À Margem

    Sempre dei atenção a malucos, não entendo bem o porquê. Minha mãe e meus amigos morrem de medo que algum deles me faça mal e reprovam em especial o toque e o tempo que lhes dedico.
    Trago alguma bagagem de conversas, histórias e constatações...
    Grande parte das pessoas que vivem nas ruas conhecem a bíblia e já foram de igreja. Garotas de programa, usuários de droga, ex-presidiários, alcoólatras, gente que perdeu a família, perdeu o nome, perdeu a subjetividade. Menores, marginais, nóias, bandidos. A sociedade (e a igreja) não os enxerga mais como sujeitos, e sim como problema que deve ser escondido.
    Conhecem o evangelho a partir da ótica neopentecostal, choram ao ouvir falar de Jesus e não acreditam em seu perdão. Foram muito cobrados para serem santos e bem sucedidos, mas boa parte não sabe o que significa a cruz e a graça. Creem que o mundo jaz no malígno e desejam o céu com todas as forças. Culpam os demônios por seu fracasso e gostariam muito de poder tomar banho.

Efeitos contrários produzidos pela religião...

quinta-feira, 9 de junho de 2011

"Deus tem o melhor pra mim"

     Cheguei ofegante no ponto - como de costume, perdi o horário. Embarquei no 674 com bolsas, blusas, marmita e alguns passes contados pra ir e voltar no fim do dia. Fiquei feliz de poder me sentar dessa vez, poderia completar minhas 5hrs de sono com um cochilo com direito a baba na janela do busão. Nas lombadas, eu desperto assustada, olho ao redor e dou graças mais uma vez por estar viva. 
     Um senhor visivelmente embriagado entrou pela porta de trás do veículo com uma caixa enorme e se enfiou entre os sonolentos do corredor sem pedir licença, falando bem alto:
     - Senhoras e senhores, desculpem-me por atrapalhar a vossa viagem. Meu nome é Edvaldo, tenho dois filhos pra criar, estou desempregado e por isso vendo estes doces. Aceito vale-transporte, refeição, oferta voluntária, qualquer coisa pode me ajudar. Desde já agradeço, sabendo que Deus vos abençoará.
     Todo dia encontro este tipo, às vezes na ida e na volta, cato as moedas caídas na bolsa, olho em todos os cantos pra ver se posso dar algo mais. Dessa vez fui um pouco mais resistente, pensei até em não dar, o discurso era muito batido e o cheiro da pinga era forte... Não consegui, encontrei alguns passes amassados e pedi pra que Deus me providenciasse a volta pra casa.
     -Toma, Deus te abençoe, Edvaldo.
     Pronto, dei uma fungada aliviada, guardei as tralhas na bolsa e fechei os olhos de novo. Pouco tempo depois senti alguém cotucando meu ombro:
     - Deus tem o melhor pra mim! Não quero o que te sobra, menina – me devolvendo as merrecas com raiva.
     Não argumentei, guardei os passes e engoli a seco, lembrando-me que provavelmente ele aprendeu isso com a música do Fernandinho em alguma igreja materialista. Pensei com meus botões, “Deus tem uma cruz pra mim”.

domingo, 24 de abril de 2011

Por não observarem os fatos numa luz pura, os críticos não conseguem ver a diferença entre preto e branco. Por adotarem uma atitude particular de reação e revolta, eles têm um motivo para entender que toda cor branca é cinza sujo e a preta não é tão preta como aparece na pintura. (G. K. Chesterton. O Homem Eterno, Mundo Cristão, pg. 13)
A 
religião
 é 
o 
esforço
 por 
parte
 do
 ser
 humano
 para
 agradar
 a
 Deus
 a
 fim
 de
 ser
 aceito
 e
 amado
 por
 Ele, enquanto
 que
 o
 Evangelho
 é
 a
 convicção
 de
 que
 somos
 aceitos
 e
 amados
 por
 Deus
 e 
por
 isso
 desejamos 
fazer
 o 
que 
lhe 
agrada.
 - Tim 
Keller

sábado, 2 de abril de 2011

CARTA ABERTA A MARCO FELICIANO



Prezado Deputado Marco Feliciano,

É com grande preocupação que nós, cristãos comprometidos com o Evangelho de Cristo Jesus e os valores da Reforma Protestante, vemos as suas declarações referentes aos negros africanos e o homossexualismo. Ao se definir como pastor evangélico, o senhor assumiu o compromisso de defender as verdades do Evangelho, conforme ensinado por Cristo Jesus e seus apóstolos, no Novo Testamento. No entanto, seus pontos de vista não condizem com a Verdade que o senhor afirma defender.

Nós, cristãos juntos pelo Evangelho, repudiamos qualquer ensino que associe a maldição lançada a Canaã com o povo africano. Em Gênesis 9:24-27, vemos que a maldição é lançada apenas sobre Canaã, e não sobre os demais filhos de Cam e que ela consistiria na servidão aos filhos de Sem e de Jafé, o que acontece quando o povo de Israel conquista as cidades cananeias por meio de Josué. A exegese de Gênesis 10:16-19 mostra que os cananeus habitaram o Oriente Médio e não a África. Além disso, a leitura do Antigo e do Novo Testamento mostra que os cananeus se misturaram com os judeus e que o próprio Senhor Jesus Cristo é descendente da cananeia Raabe (Mateus 1:5).

Nós, cristãos juntos pelo Evangelho, repudiamos a sua declaração de que "A podridão dos sentimentos dos homoafetivos levam (sic) ao ódio, ao crime, à rejeição". Ao contrário, reafirmamos o ensino da depravação total, ensinado por Paulo em Romanos 3:9-18, que mostra que todos os homens, independente de sua opção ou comportamento sexual, são injustos, inúteis, cheios de amargura e prontos a fazer o mal, andando em caminhos de destruição e miséria. Não são os sentimentos homoafetivos, mas sim a nossa morte espiritual e amor pelo pecado (Efésios 2:1-3) que nos tornam praticantes do ódio, do crime e da rejeição.

Nós, cristãos juntos pelo Evangelho, reafirmamos ao senhor e à sociedade que o ensino bíblico é o de que todos os homens, independente de seu povo, etnia, comportamento sexual ou classe social, estão todos, sem distinção, debaixo da ira de Deus porque todos nós pecamos (Romanos 3:23), sendo por isso, dignos de morte (Romanos 6:23). E é com uma ênfase ainda maior que nos lembramos de que Cristo Jesus se fez maldito no lugar de todo ser humano que, independente de seu povo, etnia, comportamento sexual ou classe social (Gálatas 3:13), se volta para Ele, arrepende-se de seus pecados, crê em Sua ressurreição, confessa a Sua divindade e invoca o Seu nome (Romanos 10:9-12). Esse é o verdadeiro Evangelho!

Não aceitaremos mais que a mais bela verdade já ensinada aos homens seja manchada e distorcida publicamente por quem deveria defendê-la. E, por isso, protestamos contra seus posicionamentos e o exortamos, em nome de Jesus Cristo, a arrepender-se deste pecado.

Cristãos Juntos Pelo Evangelho

segunda-feira, 14 de março de 2011

"O ponto de partida de todo motivo na religião é Deus e não o homem. O homem é o instrumento e o meio, somente Deus é o alvo aqui, o ponto de partida e o ponto de chegada, a fonte da qual as águas fluem e, ao mesmo tempo, o oceano para o qual elas finalmente retornam. Ser irreligioso é abandonar o propósito mais alto de nossa existência, e por outro lado não cobiçar outra existência senão a vivida para Deus, não ansiar por nada exceto a vontade de Deus, e estar totalmente absorvido na glória do nome do Senhor, isto é a essência e o cerne de toda verdadeira religião. “Santificado seja o teu nome. Venha teu reino. Seja feita tua vontade”, é a tripla petição, que dá expressão à verdadeira religião. Nossa senha deve ser - “Buscai primeiro o reino de Deus”, e depois disto, pense em suas próprias necessidades. Primeiro permanece a confissão da absoluta soberania do Deus Trino; pois dele, através dele, e para ele são todas as coisas. E por isso, nossa oração continua a mais profunda expressão de toda vida religiosa."

Abraham Kuyper. CALVINISMO, Cultura Cristã, pg. 40.

quarta-feira, 9 de março de 2011

O pai da mentira

"Muitos os ouvem, já que pelo menos apontam os males. A questão é se o remédio deles não é pior do que a doença. Se a alienação significar apenas que nosso relacionamento com as coisas está rompido, se a dominação da natureza ainda for vista como um objetivo, se os valores materiais ainda forem o alvo primário, e se o problema do pecado continuar a ser evitado, então as questões mais sérias permanecerão."

H. R. Rookmaaker, A ARTE NÃO PRECISA DE JUSTIFICATIVA, Ultimato, p. 21.

quarta-feira, 2 de março de 2011

"Quando os seres humanos oferecem sua lealdade e adoração sincera a algo diverso de Deus, eles progressivamente cessam de refletir a imagem divina. De acordo com uma das principais leis da vida humana, nós nos tornamos naquilo que adoramos; mais ainda, refletimos o que adoramos, não só o objeto em si, mas também o que está à sua volta. Os que adoram o dinheiro cada vez mais se definem em termos do dinheiro e cada vez mais tratam os outros como credores, devedores, sócios ou clientes, e não como seres humanos. Os que adoram o sexo se definem em termos do sexo (suas preferências, suas práticas, suas histórias passadas) e cada vez mais tratam os outros como autênticos objetos sexuais. Os que adoram o poder se definem em termos do poder e tratam os outros ora como colaboradores, ora como concorrentes ou reféns. Essas e muitas outras formas de idolatria se combinam de diferentes maneiras, todas elas prejudiciais à nossa condição de criaturas feitas à imagem de Deus e tocadas por ele. Minha sugestão é que é possível aos seres humanos não só seguirem por esse caminho, como também recusarem todos os rumores de boas-novas, todos os vislumbres da verdadeira luz, todas as sugestões para tomarem outro rumo, todos os indicadores do amor de Deus. Com isso, eles se tornarão, por escolha própria, seres que deixaram de ser humanos, que, portanto, não carregam mais em si a imagem divina. Com a morte desse corpo no qual eles habitam o bom mundo de Deus, no qual a trêmula chama da bondade ainda não se extinguiu por completo, eles ultrapassaram não somente a esperança, mas também a piedade. Não há campo de concentração na bela paisagem campestre, nem câmara de tortura no palácio dos prazeres. Aquelas criaturas qua ainda existem em estado "desumano" não mais refletem seu criador nem conseguem despertar, em si mesmas ou nos outros, a compaixão natural que alguns sentem até mesmo pelo pior criminoso.


N. T. Wright, Surpreendido pela Esperança, Ultimato, p. 198.

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

ALIENAÇÂO

THIS IS SPARTA
"Sou marxista. Acredito no materialismo histórico, na mais-valia e na alienação. Luto a favor do proletariado, encabeço movimentos sociais, ando de chinelo e escondo meu carro num estacionamento distante na faculdade. Não acredito em deus, em família ou em religião. Os fins justificam os meios por isso pegarei em armas na revolução vestido de Che Guevara após ler meu horóscopo. Financio o tráfico de drogas, vejo pornografia e não vejo mal nenhum nisso, só tenho ódio de quando transformam gente em mercadoria. Nunca trabalhei e nem precisei pagar conta... 
Meus pais me chamam de rebelde."

É MOLE??

Sei que tenho enchido bastante o saco com esse assunto, mas é que você vê cada coisa no meio acadêmico, que é difícil não tirar um sarrinho; cansei de gente hipócrita. Respeito os marxistas coerentes - conheço poucos, e os não coerentes também, mas espero que isso gere uma reflexão.
Faça-me o favor, seja íntegro ou ao menos um pouco mais honesto.

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

classicão




 

Lord, the feelings are not the same,
I guess I'm older, I guess I've changed.
And how I wish it had been explained, that as you're growing you must remember,
That nothing lasts, except the grace of God, by which I stand, in Jesus.
I know that I would surely fall away, except for grace, by which I'm saved.
Lord, I remember that special way,
I vowed to serve you, when it was brand new.
But like Peter, I can't even watch and pray, one hour with you,
And I bet, I could deny you too.
But nothing lasts, except the grace of God, by which I stand, in Jesus.
I'm sure that my whole life would waste away, except for grace, by which I'm saved.
But nothing lasts, except the grace of God, by which I stand, in Jesus.

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011


Senhor, é tua graça e é teu amor que capacitam meu coração a crer, a esperar e a amar. Posso ir a teu encontro e abraçar-te como meu verdadeiro amigo. Posso confiar em ti, meu bondoso Pai. Tu és um mar de graça, de consolo e de amor.

Johannes Tauler

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Vem Me Socorrer

O Relativista

discurso batido do homem espiritual pós-moderno

"Creio em Deus, em seu poder criativo, sua movimentação gloriosa, assim como nos deuses africanos, indígenas, hindus, que não são menores em nada. Encontro o divino no vento, na areia, nos sorriso dos meus amigos, mas não consigo prendê-lO nas paredes de um templo. Assumo que não gosto de igrejas, de sua hierarquia, nomes e dogmas que excluem descaradamente quem não é de acordo. O amor é tudo, mas eu não acredito em verdade absoluta, cada um vive a sua história, a partir de seu ponto vista. Não O reduzirei, bem como não serei transformado, já que Ele me ama, assim, do jeito que sou."

é mole??

sábado, 5 de fevereiro de 2011

uai

Abigail era uma pata pobre. Feliz até na tristeza, cantarolava com seus filhotes que a primavera iria voltar. O pombo, o pônei e o pinguim não entendiam o porquê de sua esperança e latiam entre si -essa pata tem problema.
Eram todos prisioneiros alienados, Abigail porém, regozijava-se em fazer sopa de feijão para o patão, plantar e colher girassóis e limpar o chão da Igreja. 


Abigail ía contra a cultura.

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Pessimismo pascalino

"Todos os homens se odeiam naturalmente uns aos outros. Faz-se o possível para utilizar a concupiscência em benefício do bem público; mas isso é fingimento, e uma falsa imagem da caridade; pois, no fundo, é apenas ódio."
Pensamentos sobre a política - Pascal

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Senhor, tu nos criaste para ti,
e inquieto é o nosso coração, até que encontre descanso em ti.
A casa de minha alma é pequena demais para que te possa abrigar.
Amplia-a.
Ela é defeituosa e decrépita.
Renova-a.
Quem mais eu poderia invocar, a não ser a ti?
Tua é a luz do dia, tua é a escuridão da noite.
Vida e morte estão em tuas mãos.
Teus também somos nós, portanto te adoramos.
Tu, Senhor, nos criaste para ti, e o nosso coração continua inquieto,
Até que ache quietude em ti.
Faze-nos descansar em tua paz,
E faze-nos acordar para o teu louvor.


Santo Agostinho
 

Credo ut Intellegam

Senhor, agradeço-te por me teres criado segundo a tua imagem,
Para que te conheça e ame.
Mas essa imagem se acha de tal modo
Corrompida por pecados,
Que não consegue cumprir a tarefa para a qual foi criada,
a não ser que tu a renoves e recries
através da fé em teu Filho crucificado Jesus Cristo.
Desejo apenas entender
Uma pequena parcela de tua verdade,
Que meu coração crê e ama.
Pois não procuro compreender para poder crer,
antes creio para poder compreender.

                               (Santo Anselmo XI AD)

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Aniversário

18 de Janeiro de 2007 - Não consigo esquecer esta data.

















Eu tinha quase 16 anos, alguns sonhos frustrados, pouca esperança, muita revolta... Fui pra um acampamento em Furnas (http://www.alvo.org/) para provar que o amor não existia, mas alguma coisa deu errado, eu perdi o controle de mim.
Relutei como louca, mas não consegui resistir: meu orgulho foi despedaçado, chorei como nunca havia chorado antes, enxerguei finalmente o meu pecado e admiti que precisava desesperadamente de Jesus.
Hoje é meu aniversário de re-nascimento e a cada dia que passa, sou encontrada de novo. Agradeço a todos que andaram comigo nestes quatro anos, minhas conselheiras lindas, chefes de equipe, líderes de grupo, pastores, IRMÃOS, de longe e de perto; é muito bom fazer parte da família de vocês.
Continuo teimosa e cabeçuda, errando muito, caindo menos, mas ainda e cada dia mais, é maravilhoso chamá-lO de Pai. É maravilhoso viver de verdade, proclamar a paz, reconhecer a minha podridão e que ainda assim eu sou amada pelo Rei dos reis, Criador de tudo, o único que é justo. 
Negada, é muito bom estar viva, provar da fidelidade, carinho e amizade de Deus, saber que Ele é soberano e que eu sou sua.

TENDO POR CERTO ISTO MESMO, QUE AQUELE QUE EM VÓS COMEÇOU A BOA OBRA A APERFEIÇOARÁ ATÉ AO DIA DE JESUS CRISTO - Filipenses 1:6


Obrigada, Senhor.

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Palavra fiel é esta: que, se morrermos com ele, também com ele viveremos; Se sofrermos, também com ele reinaremos; se o negarmos, também ele nos negará; Se formos infiéis, ele permanece fiel; não pode negar-se a si mesmo. [2Tim2:11-13]